sábado, 14 de agosto de 2010

#17: Pão-de-mel (Rachel Cohn)

Postado por Luciana Mara às 11:26:00
Sinopse: Cyd Charisse é uma "arruaceira em recuperação", segundo seu padrasto. Foi expulsa do colégio interno onde estudava, adora fugir de casa para ficar com o namorado e ensinar palavrões para sua irmãzinha. Até que Cyd é despachada para Nova York, onde ficará com o pai biológico, que ela mal conhece. Se adaptar a uma nova cidade e sua "nova" família será muito mais difícil do que Cyd Charisse imaginava, mas ela pode também descobrir que nem tudo é o que parece.

Comentários: Sabe aquele tipo de livro que você lê numa sentada? Assim é Pão-de-Mel. Mas isto acontece não só porque a história flui bem, mas também porque o livro é fino, com margens largas e letras grandes =P

Cyd Charisse (e não simplesmente Cyd, mas tem toda uma história para esse nome estranho) mora com a mãe, o padrasto e seus dois irmãos pentelhos. Ela acabou de ser expulsa do colégio interno depois do flagra que deram nela e o ex-namorado, Justin (com quem passa o grande drama da história – sem spoiler), e agora seus pais não sabem o que fazer para controlar sua rebeldia.

Agora ela namora Siri, um surfista descolado e 12 centímetros mais baixo que ela. Eles se conheceram na casa de repouso (em que ambos estavam pagando pena) e onde mora Pão-doce, a idosa vidente que os juntou.

Siri mora com o irmão, Wallace, por quem Cyd tem uma (enorme) queda. E foi justamente por causa de uma dessas noites na casa dos irmãos que Cyd se meteu em problemas. Sua mãe a proibiu de sair de casa, de trabalhar no café de Wallace, e também de ver Siri (que termina com ela). Cyd se revolta, não conversa com ninguém e fica intratável. Neste momento sua mãe resolve mandá-la para o pai (durante o verão) em Nova York, tudo que Cyd queria. Mudar de ares, conviver com seu pai de verdade e conhecer seus maravilhosos irmãos...

Mas pela sinopse esperava mais conflitos desse encontro. Frank, seu pai, mal a encontra e a apresenta aos conhecidos como sua sobrinha, tudo porque Cyd é fruto de um relacionamento extraconjugal. Seu irmão é um fofo (e seu namorado também) e até a convida para trabalhar no café dos dois. Só com Rhonda (que não gosta de ser chamada por este nome) é que há alguma dificuldade de relacionamento, mas esperava ainda mais. Mas até a volta para a casa pessoas são encontradas, histórias são reveladas e desculpas são pedidas e o final é daqueles bem bonitinhos.

Acho que mais que uma "arruaceira em recuperação" Cyd Charisse é uma adolescente que quer viver intensamente e aproveitar a vida ao máximo. E é claro que por isso ela dá umas mancadas e faz coisas terríveis.

Ahhh... E porque Pão-de-Mel? Este é o nome da boneca que Frank deu a Cyd no último encontro deles, quando Cyd tinha 5 anos. E ela brinca e conversa com a boneca até os 16 anos (coisa que eu nunca fiz nem quando era criança =P)!

E agora? Cyd vai entrar nos eixos? Vai voltar com Siri? Só lendo Siri (ainda tenho que comprar, então nem eu sei). Pesquisei e vi que tem mais um e será o último (ainda bem) e se chamará Cupcake. Séries me perseguem.


Onde comprar: Americanas (R$9,90)

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário!
Deixe seu endereço para eu retribuir a visita ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

TOC Template by Ipietoon Blogger Template | Gift Idea