quinta-feira, 29 de março de 2012

#97: Nudez Mortal (Nora Roberts)

Postado por Luciana Mara às 10:00:00

Informações:
Título: Nudez Mortal
Autora: Nora Roberts (como J. D. Robb)
Editora: Bertrand
Número de páginas: 350

Comentários:
Nudez Mortal (vergonha do título) foi o livro escolhido pela Sandra no Clube das Chocólatras. É o primeiro volume desta série da máquina criadora de histórias Nora Roberts.

Uma vez me disseram que os livros da série mortal eram independentes. O que eu fiz? Comprei TODOS os que tinham disponíveis na Saraiva por R$9,90. Assim, comecei a minha coleção a partir de Cerimônia Mortal, o 5º volume da série.

Se eram independentes, porque não começar a lê-los? E foi o que eu fiz. Peguei a história pela metade. Talvez eu tivesse gostado ainda mais se eu tivesse começado pelo início.

E, por já ter lido mais livros desta série, posso afirmar que as histórias seguem uma receita de bolo. Vamos aos ingredientes*:

  1. Uma dose cavalar da tenente Eve Dallas. Por ter sofrido abuso sexual quando criança, Eve se fechou para todo tipo de relacionamento. Seu único compromisso é com o trabalho.
  2. Um pote de sangue. Alguém é morto de uma maneira bizarra ou chocante. 
  3. Uma pitada de dados da vítima e levantamento de todos os suspeitos. 
  4. 4165784367497 xícaras de café do Roarke. Agora milionário, mas cheio de segredos obscuros que com suas habilidades conseguiu deletar do sistema da polícia, Roarke sempre entra em cena. Ele sempre conhece as vítimas ou suspeitos, devido a sua popularidade. Ele sucessivamente se empenha em romper as barreiras que Eve criou em torno de seu coração.
  5. Acrescente mais assassinatos que seguem o padrão do primeiro e conte com a ajuda de alguns policiais para agitar o caso.
  6. A primeira prova sempre é a errada. Mas a sagacidade da tenente, aliada à sua equipe e os contatos de Roarke, sempre levam a um desfecho emocionante (inclusive com a Eve SEMPRE tentando ser morta e várias vezes sendo ajudada pelo Roarke).
  7. Insira todos os ingredientes no forno do ano 2058. Tudo é informatizado, é possível visitar outros planetas e os carros podem voar (preciso de um urgente).
  8. Enfeite com a evolução dos protagonistas e com a inserção das histórias dos coadjuvantes.
  9. E o tempero? Isto fica por conta de Eve e Roarke que com certeza sempre colocam muita pimenta na história.

AVISO: Esta receita é recomendada para maiores de 18 anos.

Caso da vez: Sharon DeBlass, uma acompanhante licenciada (vulgo prostituta), foi assassinada a tiros. Tudo seria corriqueiro se ela não fosse neta do senador DeBlass e se a utilização de armas de fogo não fosse proibida há décadas (usualmente era laser). 

Assim, além do aperto normal para desvendar o crime, Eve ainda precisa aguentar a pressão do senador que cobra resultados. Para piorar, mais assassinatos com o mesmo padrão (com arma de fogo e envio de um filme com o ato em si) são enviados a ela.

O pior era saber que os caminhos daquele mistério a levava diretamente ao Roarke. Seria fácil prender o magnata se Eve não começasse a se envolver com ele.

Era possível resistir? Qual a participação de Roarke na história? Quem era o(a) assassino(a) e por que cometeu o crime? Descubra em Nudez Mortal.
------------
Apesar de seguir uma rotina em todos os livros, é impossível largá-los após iniciar a leitura. A cada momento você conhece um pouco mais dos personagens e acaba sendo induzido por eles a tentar desvendar o crime. Na maioria das vezes eu erro feio, nas outras vezes só erro.

Acompanhar o desenvolvimento do romance é um caso a parte. Eu já sabia onde o relacionamento da Eve e do Roarke daria, mas foi prazeroso saber como tudo começou. Como ela não queria abrir seu coração para ele e como ele chutou a porta e entrou mesmo assim.

A história acontecer em 2058 é um charme a parte. Somos apresentados a uma Nova York diferente, cheia de tecnologia. A polícia tem programas que identificam perfil das pessoas violentas e ainda calculam probabilidades de terem acertado o assassino (estatísticos adoram isso). Fora o AutoChef, que prepara o prato a partir dos ingredientes que você tem na geladeira é meu sonho.

Os casos são bem amarrados. A partir do perfil psicológico do assassino é possível entender sua motivação e isto satisfaz o leitor que busca a parte policial da série. Eu, além dos crimes, saboreio o romance. Inclusive marco com post-it as cenas do casal principal.

E como tudo que é bom, gosto de me entupir até ficar saciada, já li Glória Mortal (Vol. 2) e peguei emprestado com a Nanda Êxtase e Eternidade Mortal (Vol. 3 e 4). 

Para os desinformados de plantão, a série é enorme (acredito que seja infinita). Já foram publicados 18 livros no Brasil. Então, preparem o bolso ou leiam emprestado. Eu ainda completarei minha coleção! Aceito doações de Eternidade, Êxtase, Julgamento, Reencontro, Pureza, Retrato, Imitação e Dilema Mortal.


Como a receita é a mesma, não resenharei mais a série aqui (mas quando for para piriguetar, podem ter certeza que o Roarke será lembrado!)

Se recomendo**? Sim ou claro?



* Porque eu não sou a única a resenhar receitas. Confira AQUI.
** Recomendo para quem não se importa com cenas para maiores.

23 comentários:

Bruna M. Silva disse...

TENHO MEDO DESSA SÉRIE, É ENOOOOOOOOOOOOOOORME... HAHAHA

Mas ela parece muito boa... um dia quem sabe eu de inicio a ter a série, mas ai teria que ter uma estante só pra ela O.o

Beeeijoss

Cíntia Mara disse...

Na minha cabeça, essa história é uma mistura de Stephanie Plum com Minority Report - ou seja, totalmente diferente do que eu imaginava antes. Só que a série Plum é mais voltada pro humor, e em Minority Report os crimes são descobertos antes de acontecer. Vou considerar a leitura algum dia (Sem deixar que meu pai veja o título, claro).

Se você não tivesse colocado o link pro meu post, eu nem ia lembrar que já resenhei receita, rsrs.

Luciana Mara disse...

A parte de traçar perfil e os tipos de equipamentos lembram mesmo Minority Report. Eu acho muito legal que muitas coisas são acionadas por comando de voz. 
rsrsrs. Você vai ter que usar um protetor de capa ou ler trancada no quarto. Quando quiser me fala que eu te empresto.

rsrs.
Assim que a frase veio na minha cabeça eu lembrei da sua resenha.

Luciana Mara disse...

kkk... Eu também tenho medo Bruna, mas depois que se inicia é impossível parar.

Acho que vou ter que deixar uma prateleira só para esta série mesmo, rs.

Bjins

Cíntia Mara disse...

Hauhauhauh o protetor de capa não vai funcionar, porque tanto meu pai quanto meus quatro chefes têm mania de pegar e folhear meus livros. Imagina! Vou ter que ler no quarto, mesmo. Te falo sim, tks. Vai demorar ainda.

Karol Albuquerque disse...

Ah, adoro essa série!

E senti a mesmo vergonha do nome que você.. rs Imagina a pessoa aqui no ônibus com um nome desses bem grande na capa do meu livro? Ainda bem que não tinha foto, poderia ser pior.

Mas a série é uma delícia. Tenho uns 15 já e juro que se eu morasse em BH dava um jeito de te emprestar.. rs

Beijão!

Rafaelle Vieira disse...

Oi Lu!
  Há algum tempo estou de olho nessa série, já ouvi falar um pouco sobre a autora e sei que vou gostar muito dos livros. Eu adoro romance policial; fico muito empolgada tentado desvendar o mistério.  Ainda não comecei a ler porque a série é enorme e cara e eu preciso preparar o meu bolso para essa loucura. :D
   Beijos.

Rafa{Fascinada por Histórias} 

Carissa Vieira disse...

Li dois dos muitos livros da série. 
Realmente segue receita de bolo, mas eu não conseguia largar os livros de jeito nenhum.

Beijos.

Camila Araújo disse...

Eu preciso falar que a série Mortal é só a minha preferida da Nora? Acho que não. ^^
O Roarke é perfeito. A Eve é a mulher mais forte que eu já vi. E eles dois compõem um casal que seria improvável para alguns, mas que é a melhor combinação ever!
Os coadjuvantes são um caso à parte, mas vou parar meu comentário por aqui e fazer um post no Cole só sobre a série Mortal que é melhor, senão eu só paro de falar semana que vem. =)

Bjs.

Gabi disse...

Hashuash ok, adorei seu jeito de resenhar.
Todo mundo fala da tal da Nora, mas nunca li nenhum livro dela (provavelmente porque a quantidade me intimida). Mas como toda boa viciada em livros, tenho que ler alguma coisa que for. Mas também não irei começar por essa série ;P

De toda forma, ótima resenha! =D
Beijitos
http://www.bookpetit.com

Aline M. Gomes disse...

Como eu digo, deveria ser chamada de Série (I)Mortal.
O último que li foi pro DL "Criação Mortal" que acho que nem foi traduzido ainda.
E já nem compro há muito tempo, a biblioteca se encarrega do caso :p

De qualquer forma, essa Nora é uma doida e apesar de se tornar repetitiva, eu não consegui abandonar a série ainda, exatamente por causa dos personagens.
Eu fico na torcida pra que saia um bebê desse forno porque o tanto de vergonha alheia que esses dois fazem nos livros já era pra ter um monte de Roarkezinho e Evezinha, até parece que eles não tem TV's ultra modernas e outras parafernálias tecnológicas em casa hahahahahahahahahaha


PS: Pra constar que esses são os únicos livros da Nora que leio :p

Letícia Iauch disse...

Ei Lu!

Meu Deus, não sabia que a série era tão infinita assim o.O
Nunca li nada da Nora, mas tenho uma certa vontade (não MUUUUITA vontade). Gosto dessa coisa de crimes e tudo mais *o*
Por R$9.90 eu até adquiro o primeiro pra ver se gosto hein!

Bjoos'
Lets

Caline disse...

O título desse livro mata qualquer um de vergonha, principalmente se você se arriscar a ler em um ônibus, sem dúvida as pessoas vão te olhar torto, rs.

Meu sonho é ter essa série completa mas ainda faltam muitos para que eu chegue lá. Vou ficar sempre de olho nas promoções e fazer como você: sair comprando fora de ordem.

P.S.: O Roarke é um sonho de consumo e o mistério em torno de tudo que diz respeito a ele me atrai mais ainda.

Xero, Caline
Mundo de Papel

Luciana Mara disse...

E eu ainda li em pé no bus. Ou seja, não só os passageiros viram a capa como quem tava fora do bus tb...kkk

Eu arrependi de não ter comprado Imitação no Sub. Tava 12 reais =/

ps.: 2! kkkkk

Luciana Mara disse...

Pois é, Lets...
Isto pq eu não me dei nem o trabalho de pesquisar quantos já saíram lá fora >.<

Super vale a pena!

Bjins

Luciana Mara disse...

Onde eu assino?
Tinha que ser (I)Mortal mesmo!

Foi ainda não. O último foi o Dilema.
Este é qual número?

Eu ainda quero ter a coleção completa

Eu tb!!! Todo livro é a mesma coisa, mas o que empolga são as história paralelas. 

kkkkkkkk... Tb acho! Eu também torço por um bebê. Será que sai?

Ps. eu tenho vontade de ler um romance dela. Só leio (I)Mortal tb!

Luciana Mara disse...

Ei Gabi!

Fico feliz que tenha gostado.
Sobre os outros livros dela eu não posso opinar, mas se surgir, dê uma chance para série!

Vou lá te visitar!

Bjins

Luciana Mara disse...

O mesmo que aconteceu comigo!!!
Imagina se fosse a capa dos amantes? o.O

Ohh Karol, que pena! Eu aceitaria ler emprestado (mas sempre que encontrasse promo, acho que compraria...kkk)

Bjins

Luciana Mara disse...

Ei Miloca!

Acho que não!
Eu também acho. É um dos melhores casais já criados.

kkk...
Só pq a série é infinita?

Bjins

Luciana Mara disse...

Rafa, melhor mesmo preparar o bolso...kkk
A série não acaba nunca.

Bjins

NinaTavares disse...

Oi Lu!
Nunca li nada desse série, me dá uma Preguiça Mortal pensar que são 18 livros! Mas eu não sabia que dava para ler fora de ordem, e de maneira independente. Mas mesmo assim, do jeito que sou curiosa, iria querer conhecer os caminhos dos personagens...
Eu também não sabia que a história se passa em 2058! 

B-jussss! ♥

Viagem Literária disse...

Oi Lu,

Resenhe sim, deixa de preguiça hahaha
Até estranhei que entrei aqui e tinha dois posts sem ler xD 

Eu adorei este primeiro livro, mas ainda não li nenhum dos outros. Também aceito doações da série rsrsrs.

beijos

Ana Ferreira disse...

Olá Lu!!
Parei no seu blog por acaso, através da resenha sobre nudez mortal porquê procurava sobre algum filme/série da coleção mortal.... Mas Enfim, quiz deixar um comentário na verdade por que adorei seu blog, e a forma como você se expressa nele. Me identifiquei muito contigo, e percebi que temos a mesma paixão pelos livros, e que já lemos alguns títulos em comum. Sempre busquei alguém que entendesse essa minha tara, e que pudesse compartilhar as experiências literárias. Já adicionei o blog aos meus favoritos, e já tenho algumas indicações suas para minha próxima lista.....:)

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário!
Deixe seu endereço para eu retribuir a visita ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

TOC Template by Ipietoon Blogger Template | Gift Idea