quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Aos 30

Postado por Luciana Mara às 11:43:00 0 comentários Links para esta postagem
Aos 30 eu esperava que tudo seria diferente. 

Aos 13, achava que aos 30 eu seria uma empresária bem sucedida e que dividiria um apartamento alugado com a minha melhor amiga.
Não queria casar. 
Iríamos viver loucamente, como todas as personagens das comédias românticas que são abertas a novas experiências e totalmente independentes, mas que só se amarram à alguém quando já são balzaquianas. 

Aos 18, achava que aos 30 eu seria uma daquelas pessoas que trabalham todos os dias elegantemente vestidas com terninhos neutros, que teria um marido que me amasse e que corresse comigo atrás dos outros sonhos que eu não tinha realizado.

Aos 23, achava que aos 30 eu trabalharia em um banco, que já estaria casada e com dois filhos.

Aos 30, trabalho de pijama e tenho um marido maravilhoso.
Fiz algumas das viagens que queria.
Tenho uma casa própria. 
Tenho amigos lindos que sempre estão dispostos a embarcar em novas aventuras.
Tenho uma família que me apoia em todas as minhas decisões. 
Fiz o piercing que queria desde a adolescência.
Meus fios de cabelo continuam negros.
Compro o que quero (mesmo que seja uma varinha do Harry Potter de 50 dólares e que não é mágica fora dos parques). 
Faço o meu tempo. 

Ainda tenho muito a realizar.
As metas nunca acabam. 

Tenho uma vida feliz.
Só torço para que o mundo acabe com as cobranças, porque de cobranças minha caixa de correio já está cheia (metaforicamente falando). 

-----
E como não podia deixar de ser, meus babys novos, dados pelas amigas no meu aniversário. Obrigada Miloca, Nanda, Kell, Renata, San, Alice, Silvinha, Sandra, Carol, Márcia, Maíra e Evelyn!


Eles não vão durar nada na prateleira de não lidos. Estou lendo igual uma máquina!

Obrigada a todos que foram me dar um abraço no meu aniversário e aos que estavam lá em pensamento. Amo vocês!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

TOC Template by Ipietoon Blogger Template | Gift Idea